TV Assembleia completa 10 anos de serviços prestados à cidadania

No mesmo 16 de setembro em que se comemora os 200 anos de emancipação política de Alagoas, a TV Assembleia, por sua vez, completará dez anos de fundação. De uma pequena sala improvisada, em frente à sede da Associação Comercial de Maceió, no histórico bairro de Jaraguá, onde o Poder Legislativo encontrava-se provisoriamente instalado – em razão de reforma em seu prédio-sede -, a TV Assembleia gerou suas primeiras imagens.

A transmissão ao vivo aconteceu no próprio evento de inauguração do canal televisivo, que foi prestigiado pelos chefes de todos os poderes constituídos do Estado. Fundada na legislatura presidida pelo deputado Antonio Albuquerque (PTB), a TV transformou-se num marco histórico, ao realizar sua primeira cobertura externa, em tempo real e na íntegra, do Desfile da Emancipação Política do Estado.
O presidente da Casa, deputado Luiz Dantas, se congratula com todos que fazem a TV Assembleia nesta data memorável. Na opinião dele, o Parlamento alagoano não seria o mesmo sem a presença da televisão legislativa. “Ela faz uma diferença muito grande, porque não só leva a imagem, a informação para o cidadão que acompanha o nosso trabalho, como registra o desempenho de cada um dos 27 parlamentares”, avalia Dantas, ressaltando a importância desse trabalho para que as bases eleitorais vejam de perto a atuação de cada deputado.

Em 2007, o presidente do Legislativo, deputado Antonio Albuquerque, foi o primeiro a conceder à TV ALE uma entrevista transmitida ao vivo. Na conversa, mediada pelos jornalistas Flávio Gomes de Barros e Goretti Lima, Albuquerque disse que a TV Assembleia se tornaria uma ferramenta de transparência do Parlamento. E assim se confirmou.

“Quando Alagoas completa dois séculos de existência, a TV Assembleia também faz história e ajuda a preservar a identidade alagoana. São dez anos de prestação de serviços relevantes. No Parlamento, ao contribuir com a transparência e com a dinâmica parlamentar, a televisão se converte numa extensão da galeria”, destaca o diretor de Comunicação do Parlamento, Joaldo Cavalcante, acrescentando que a TV Assembleia, durante sua existência, muito tem contribuído para a arte e a cultura, ao prestigiar e abrir espaços generosos à expressão artística alagoana. “Também na cidada-nia, ao fomentar discussões sobre temas públicos e difusos na vida do cidadão”, declara Joaldo.

Transmitindo política e cidadania para os alagoanos, a TV Assembleia, ao longo de sua primeira década, vem se reinventando a cada dia para aproximar os alagoanos do Poder Legislativo. Assim avalia a diretora de Jornalismo da TV, Goretti Lima. “Nosso canal televisivo, ao longo desses 10 anos, avançou na transmissão simultânea da Língua de Sinais, pela atuação de intérpretes de Libras, e é totalmente integrado ao sistema digital”, informou. “Todos os programas estão acessíveis ao público no YouTube. Ganhou, nos últimos quatro anos, mais três programas de entrevistas, que fortalecem nossa relação com a cidadania alagoana, ao informar e promover o entretenimento”, contou Goretti Lima, complementando que, atualmente, a TV Assembleia trabalha com a perspectiva de ampliar a grade, bem como ter um canal aberto para que a programação da emissora televisiva seja transmitida e compartilhada pelos alagoanos em todas as regiões do Estado.

Ascom – 18/09/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *