Policiais civis de Alagoas terão armas individualizadas para trabalho

Até então, cada agente pegava a que estivesse disponível no seu turno. Novo lote foi adquirido nesta segunda, somando mais de 2 mil pistolas.

Os policiais civis de Alagoas terão armas individualizadas para trabalhar em Alagoas, segundo informou a assessoria de comunicação da Polícia nesta segunda-feira (26). Com isso, as armas terão em seu registro os dados pessoais de cada agente.

Até então, as armas eram de uso comum, cada agente pegava a que estivesse disponível no seu turno de trabalho. Segundo a polícia, a categoria recebeu nesta segunda um lote de 370 pistolas de calibre .40 e, com isso, a instituição consegue ainda a conquista de possuir em seu acervo bélico mais de duas mil pistolas.

As pistolas foram adquiridas com recursos do orçamento da própria instituição. Antes de serem entregues aos policiais civis, as armas deverão ganhar o registro do Sistema Nacional de Armas (SINARM), instituído no Ministério da Justiça, no âmbito da Polícia Federal.

A Comissão de Avaliação e Modernização de Material Bélico da PC, criada por meio de portaria do delegado-geral, esteve, na semana passada na sede da Taurus, no Estado do Rio Grande do Sul, para realizar os testes das 370 pistolas, como também dos dois carregadores, que estão sendo adquiridos e acompanham cada arma.

De acordo com a polícia, após testadas com disparos, todas as armas tiveram segurança testada novamente de forma manual, verificando o curso do gatilho em simples e dupla ação, além de conferidas as suas gravações seriais e patrimoniais. Todas as pistolas foram aprovadas.

g1

26/12/2016

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *