PC conclui quatro inquéritos de homicídios ocorridos em Paripueira e identifica autores

A delegada da Polícia Civil Gracielle Marques, titular 13° Distrito Policial (13ºDP), informou nesta quarta-feira (20), a conclusão de quatro inquéritos policiais com autoria relativos a crimes de homicídios ocorridos nos últimos dois meses na cidade de Paripueira, litoral norte de Alagoas.

O primeiro caso ocorreu no dia 04 de julho, na Rua Angelim, e teve como vítima o jovem Jeferson dos Santos Silva, 24 anos.  De acordo com o levantamento realizado pela equipe do 13º DP, a vítima estava em casa quando foi abordada por um dos criminosos, iniciando uma discussão. Do lado de fora da residência Jeferson foi atingido por três tiros de arma de fogo, vindo a óbito.

O crime teria sido motivado pela disputa do tráfico de drogas local. O inquérito policial foi concluído e dois autores foram identificados, Elisson dos Santos Nascimento, 27 anos, e um menor de idade.

A segunda ação criminosa aconteceu no dia 27 do mês de julho, e teve como vítima José Jefferson Silva do Nascimento, 26 anos, morto com disparos de arma de fogo na porta de casa, localizada na Rua Vila Rica.

De acordo com as investigações, a vítima estava sentada na porta de casa na companhia de sua esposa quando foi surpreendida por José Wilker Dos Santos Nunes, 23 anos, que deflagrou os tiros. O crime teria sido motivado por vingança, já que havia uma rixa entre os jovens e, anteriormente, José Jefferson havia agredido José Wilker durante uma festa.

O terceiro inquérito concluso foi referente a um crime ocorrido no dia 20 de Agosto, que vitimou Luan Anderson Gomes dos Santos, conhecido como “Bacana”. Após um trabalho de investigação, Thalison de Moura Lins, 22 anos, foi identificado como autor do crime.

O homicídio foi motivado por uma discussão entre Luan e Thalison em uma seresta, no Centro da cidade. Neste dia, os jovens teriam se agredido fisicamente e Luan com raiva danificou a moto de Thalison. Este último, ao tomar conhecimento foi até a casa de Luan e desferiu diversos golpes de facão contra o jovem que não resistiu aos ferimentos.

O último caso aconteceu no dia 03 de setembro e o crime foi motivado por conta de um animal doméstico. De acordo com levantamento feito pelos policiais civis, Pedro Ernesto Silva, 24 anos, foi identificado como autor do homicídio de Amarildo Rodrigues do Nascimento, 46 anos.

Os dois estavam juntos bebendo, quando Pedro começou a maltratar o cachorro de Amarildo jogando casca de coco seco no animal. Iniciou-se uma discussão e entraram nas vias de fato. Amarildo caiu no chão e Pedro utilizou uma viga de construção para golpear a cabeça de Amarildo, que veio a óbito.

A delegada distrital Gracielle Marques ressaltou que a conclusão dos inquéritos policiais e a elucidação dos crimes foi resultado de um trabalho intenso de investigação de toda a equipe do 13ª DP, que contou como apoio da delegada Ana Luiza Nogueira, gerente de Polícia Judiciária da Região Metropolitana.

Ascom – 21/09/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *