Após chuvas, mancha escura no mar da Jatiúca volta aparecer

c193b2bc-1206-46d7-8938-c08590783e59

Após algumas horas de chuva na capital, na manhã desta sexta-feira (18), equipes da Secretaria Municipal de Proteção ao Meio Ambiente (Sempma) flagraram uma nova mancha escura no mar da Jatiúca, nas proximidades do cruzamento com a Rua Doutor Antônio Gomes de Barros. Técnicos da Secretaria foram até o local para apurar se a água é contaminada e também a sua origem.

A mancha escura foi percebida por moradores da região. Segundo o secredtário municipal de Meio Ambiente, David Maia, as equipes foram acionadas assim que souberam da nova ocorrência. As equipes irão coletas amostras da água para detectar se ela está contaminada e também vão investigar de onde ela partiu.

“O volume de chuva hoje pela manhã foi grande, mas não para essa água apresentar a coloração escura como está. A Casal também está com uma equipe no local e vamos apurar se essa água é proveniente de uma ligação da Companhia ou particular. Desde que surgiu a primeira mancha nós estamos investigando as ligações clandestinas, essa semana o tatuzinho conseguiu encontrar outras irregulares e também estamos apurando a procedência desta”, disse.

Em agosto deste ano, um laudo da Polícia Federal apontou que peritos encontraram nas águas fezes humanas e até restos de papel higiênico, na mancha que apareceu no mês de maio.

Na época, a PF solicitou do Instituto do Meio Ambiente (IMA) a interdição do trecho e que a sinalização fosse instalada no local para informar os banhistas. A Prefeitura de Maceió, através da Sempma afirmou que não tinha dúvida de que a poluição no mar teria sido provada pela Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal).

297294a4-b9a6-454e-a970-9c4cfedb7ebd

Cada Minuto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *