CRB ganha da Ponte Preta no Rei Pelé e ainda sonha com o acesso

Jogando na cidade de Maceió, o CRB se permitiu continuar aspirando uma das três vagas restantes para o acesso a Série A do Brasileirão ganhando por 2 a 0 da Ponte Preta no estádio Rei Pelé.

Os gols de Léo Ceará e Lucas Siqueira fizeram com que o Regatiano chegasse aos 54 pontos e em sexto lugar na tabela a seis do Coritiba, atual quarto colocado. Já a Ponte, sem chances de subir ou mesmo descer, está em 12° com 44 pontos.
Logo com nove minutos de partida, o time que mais buscava o jogo e tentava formular jogadas foi recompensado quando o lateral-direito Daniel Guedes foi derrubado dentro da grande área por Guilherme Gomes, penalidade assinalada pela arbitragem.

Na batida, o artilheiro Léo Ceará usou e abusou da sua fase positiva e anotou o seu 14° tento na Série B batendo no lado direito e vendo o goleiro Ygor cair do lado oposto.

Se até a metade do tempo inicial o time alagoano conseguiu pelo menos manter o domínio territorial e elaborar boa jogada onde Willie balançou as redes, mas a arbitragem já tinha interrompido o lance, depois disso a Ponte Preta conseguiu avançar mais suas linhas e levou perigo quando Vico arriscou bem de fora da área e Roger chegou de bico completando cruzamento da esquerda feito por Washington.

Apesar dessa melhora ponte-pretana, em saída rápida do Galo da Praia para o ataque o time da casa aumentou sua vantagem. Aos 44, depois do cruzamento de Daniel Borges que veio rasteiro, Willie pensou rápido e tocou de calcanhar limpando o lance para o meio-campista Lucas Siqueira bater pras redes com Ygor já batido.

O tempo complementar voltou com o time visitante sendo bastante incisivo no sentido de assumir a posse de bola e ser a comandante das ações de ataque. Mesmo com o novo tento anulado de Willie em lance pontual do CRB por impedimento de Alisson Farias, era a Ponte quem ditava o ritmo e, em cruzamento feito por Arnaldo no avanço ao plano ofensivo, o arqueiro Edson Mardden foi o responsável por fazer o corte providencial.

O jogo ficou mais aberto depois da metade da etapa complementar com os dois lados tendo oportunidades claras de marcar com Araos, em chute de média distância, além de finalização cara a cara com Ygor onde Edson Cariús acabou batendo em cima do arqueiro. Com isso, o resultado no Rei Pelé seguiu em 2 a 0 para o Galo da Praia até o apito final.

17/11/2019